IMG-20190827-WA0011.jpg

Programa de Treinamento Intensivo e Reabilitação de Cães

O que é?

     O programa prevê a construção e/ou remodelagem do comportamento, rotina e estrutura de vida do cachorro.  

     Lembrando que estamos tratando não apenas do adestramento em si, ou seja condicionamento de comandos, mas sim do entendimento mais profundo do que está por trás dos comportamentos, mente e hábitos daquele cachorro.

     A ideia é construir a parte mais massiva com o cão partir do convívio 24 horas e em paralelo capacitar o tutor para gerenciar e dar continuidade no retorno do cachorro para casa.

      "O sucesso do nosso trabalho não está em o cachorro funcionar na nossa mão e sim na mão do Tutor"

Como funciona?

     O cachorro ficará hospedado conosco por no mínimo 30 dias (o período é definido caso a caso) aqui no Bangalô. Neste período, vamos trabalhar para entender quem é o indivíduo, o que tem por trás do comportamento e o que precisa ser feito para trazer harmonia e equilíbrio tanto para o cachorro como para a família. O trabalho é bastante individualizado de acordo com a necessidade especifica da família e do cachorro.

     A partir do momento que entendemos quem de fato é aquele cachorro e o que tem por trás do comportamento apresentado, vamos trabalhar para equilibrá-lo mentalmente e casar as necessidades individuais do cachorro com as necessidades da família em relação ao cão.

Como fazemos isso?

     Reconstruindo a rotina, estrutura de vida e forma de se comportar diante de diversas situações.  A ideia é ajudá-lo a eliminar hábitos que não são saudáveis e nem benéficos para a vida social e em família e construir outros hábitos e formas de agir que o permitam estar em harmonia com o ambiente que vive enquanto tem suas necessidades atendidas.

 

Qual a importância da hospedagem para trabalhar mudança comportamental?

     A primeira coisa para considerar é que só a vivência cotidiana massiva nos permite conhecer todas as camadas do cachorro e então montar o “quebra cabeça” por trás do comportamento apresentado.

Além disso, muitas vezes, para eliminarmos os hábitos e rotinas já enraizados no cão precisamos fazer com que esses comportamentos não tenham a oportunidade de aparecer e ao tirar o cachorro por completo do ambiente em que vive conseguimos isso. Conseguimos por completo começar do zero com ele, sem deixá-lo voltar para aquilo que parecia ser mais “confortável” ou que “funcionava” na visão dele. É como um “começar de novo”.

     Direcionamento claro nas 24 horas do dia são essenciais para reconstruir com os cães um novo estado mental e uma nova forma de agir.  

     E então, quando o tutor tiver se sentindo seguro, munido de ferramentas e capacitado a gerenciar aquele cão. Aí sim, é hora dele voltar para o ambiente que vivia, porém sob novas regras e direcionamentos.

 

A capacitação dos donos é parte fundamental do processo e do resultado.

     Durante o programa de treinamento disponibilizamos os vídeos no Youtube para que os donos possam acompanhar todo o treinamento e estar por dentro do processo. Também agendamos no mínimo 3 encontros com os donos durante o período de treinamento. Esses encontros são organizados caso a caso, mas basicamente seguimos assim:

 

1º Encontro com o tutor

     Normalmente acontece depois de 15 dias em que o cão está conosco. Neste primeiro encontro o objetivo principal é dizer ao tutor tudo o que ele precisa saber sobre quem é o cachorro dele e o que será preciso para chegarmos na melhor versão dele.

 

     Consideramos sempre entre 7 dias e 15 para que o cachorro se solte por completo e nos mostre de fato todas as “camadas” de quem ele é. Não tiramos nenhuma conclusão antes disso, porque sempre pode ser precipitada. Então, conforme vamos iniciando o treinamento, propondo as atividades e nos conectando a ele, também vamos montando o tal “quebra cabeça” de suas características que vão aparecendo conforme o cachorro vai se sentindo parte daquela nova proposta.  

 

2º Encontro com o tutor

     No segundo encontro é possível ver uma evolução na prática. O foco nesse momento é trabalhar o dono do cachorro na prática, tanto manejo como manuseio de ferramentas. O 2 º encontro é literalmente um treinamento para o dono. Fazendo isso conseguimos ver a evolução do cachorro na mão do dono. Isso é importantíssimo para nós!

 

3º Encontro com o tutor

     Aí já estamos na reta final do trabalho e chegou a hora de testar tudo o que o cachorro aprendeu e executa no ambiente em que ele vive. Neste encontro nós vamos com o cão até a casa do dono.  Neste dia, eles também trabalham na pratica com a nossa supervisão e simulamos todas as situações da vida real tanto dentro de casa como na rua para ver a resposta de ambos, dono e cachorro. Voltamos para o Bang com ajustes finos para o dia da entrega.

 

No dia da devolução fazemos mais uma sessão e tiramos as últimas dúvidas.

      Lembrando que essa é só uma previsão generalista de como acontece os encontros, pois avaliamos tudo caso a caso.

 

E quando o cachorro voltar para casa, o que muda?

 

     O pós treinamento é tão importante quanto o treinamento.  É preciso pensar a volta do cachorro para casa como um novo treinamento que irá se repetir, só que agora não mais gerenciado por nós e sim pelo dono do cachorro e não mais no Bangalô e sim no ambiente definitivo em que ele viverá.

      Então, no pós-treinamento é preciso dar 100% de continuidade ao que foi construído, manter a rotina bastante semelhante a que criamos por aqui, porque o cachorro irá testar se tudo aquilo é válido e se o dono não estiver preparado e capacitado, facilmente o dog pode voltar ao estágio anterior.

 

      O cachorro quando volta ainda é o mesmo indivíduo. A diferença é que ele aprendeu uma nova forma de viver e isso requer gerenciamento para o resto da vida.

      Importante dizer que no pós nós seguimos com suporte a distância o tempo que for preciso para que o dono e cães se habituem a nova forma de viver.

 

Para quem é essa modalidade de treinamento?

     Essa modalidade é benéfica para qualquer perfil de cão e família que esteja disposta a mergulhar no processo. Qualquer cachorro e dono irá se beneficiar.

      Desde cães que precisam de reformulação de comportamentos que pode envolver ansiedade excessiva, insegurança, medo, reatividades gerais, agressividade, ansiedade de separação, cães que já morderam, dificuldade para ser manuseado e qualquer outro desequilíbrio comportamental. A lista é infinita.

     Como também podemos trabalhar neste formato a construção de filhotes do zero e a introdução e manejo de equipamentos e ferramentas (e-collar, prong collar e caixa de transporte) mesmo que não haja um grande problema comportamental.

6.png
7.png